sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Esconde-esconde

Eu tinha começando um longo texto sobre expectativas e pontos altos do ano passado, mas é claro que bateu uma preguiça e é claro que eu acabei deixando o projeto (projeto?) de lado...
Fui procurar algo pra tapar buraco e achei essa adorável história em quadrinhos que eu fiz provavelmente lá pelos oito anos, e que é definitivamente a minha primeira tentativa na área. Eu desenhei a lápis, cobri com caneta e até pintei com lápis-de-cor no final, então espero que percebam o meu esforço em fingir ser profissional, etc. Olhando agora, ainda mais o original que não foi editado no Photoshop, dá pra ver que ficou uma droguinha, mas, ai, o enredo é tão bonitinho, todo planejado! (Não.) E eu lembro que super me diverti inventando boas maneiras dos pokémons se esconderem, sempre levando em conta o tipo deles e tal... E eu também adorava desenhar bolos e copos de refrigerante, hahah!
E... nostalgia, puxa.

Aiaiaiai, puxa, adoro! Melhores momentos, por favor, decidam:
a) Terceiro quadrinho, muito bom, totalmente Pushing Daisies os personagens repetindo o que o narrador acabou de falar!
b) Triste conotação sexual do sétimo quadrinho, que eu nem sequer considerei na época, porque eu não sabia de nada, só os nomes dos 151 pokémons, naturalmente.
c) Cortina caindo DO CÉU no nono quadrinho! Pendurada num arco-íris, quem sabe.
d) No quadrinho grandão (oi?) laranja, super fala “Se você não tivesse falado nada a gente ia ganhar 10,00 R$”, para vocês terem idéia de meu eu Manolito, que tinha que colocar dinheiro em algum lugar da história! E, conversando com um amigo, percebi que, apesar de estar bem óbvio pra mim, essa parte não está clara para os outros... Bom, mãe de Oddish prometeu dar dez reais para os pokémons se eles ajudassem a esconder a festa surpresa! Diglet acabou dando com a língua nos dentes, mas felizmente o aniversariante não percebeu! (Ok, me sentindo levemente doente... Mas enfim.)
e) Diglet e sua grama portátil!
Ou todas as alternativas anteriores, que certamente é a minha resposta! Ah, tudo está demais, morro de rir relendo! Da minha ingenuidade infantil, da minha incapacidade de fazer frases longas ou frases retas, ah, puxa... NOSTALGIA.

5 comentários:

*Lusinha* disse...

Gosto de me deparar com essas lembranças da infância. Sempre que acho algo antigo e já esquecido me bate uma saudade...
Bjitos!

Milla disse...

Ain, bateu a nostalgia também. Ali em cima do guarda roupas desenhos do rapidesh/pidgey e wargraymon (digimon, oi) que eu fiz em 2001/2002. Os nossos primeiros passos para o mundo artístico! asuishiash. Eu não passei dos desenhos infantis quando descobri o maravilhoso mundo do design gráfico, mas enfim da saudade de desenhar *-*

Bom 2009 pra você Bjokas!

* Te add no deviantart! Kallyma é meu nick =D

Anna disse...

Ai Pokemon, nostalgia total! Eu lembro que eu e meu primo brincávamos de Nave Pokemon onde a gente fingia que estávamos no espaço resgatando os Pokemons das forças do mal. Super viagem, mas uma delícia.
Beijos

Booperfly disse...

Que graça os seus quadrinhos,na infância eu tb adorava fazer isso.
Bjos,
Paulinha
http://booperfly.fairy-tales.com.br/

Thaís disse...

hahah, eu fiz exatamente a mesma coisa!
O meu post sobre o ano passado, tinha ficado lindo, mas meu pai fez questão de desligar o pc enquanto eu sai e eu perdi tdo, ai desisti! =/
E nossa, q gracinha a historia em quadrinhos! *.* Eu sempre fui horrível com desenhos!

Adorei o blog ;@