segunda-feira, 28 de janeiro de 2008

Poesia e paquera

Aconteceu o seguinte: minha mãe recentemente escreveu um artigo que foi publicado num dos jornais de maior circulação daqui, sobre a Simone de Beauvoir. Não sei nada sobre ela, mas é comum minha mãe publicar artigos assim, então sorri quando ela me mostrou o jornal e fim de papo.
Até que terça-feira ligou esse cara, querendo falar com mamãe. Rosa atendeu o telefone, deduziu imediatamente que era um amigo de mamãe e disse que ela estava viajando, em Recife.
O homem soltou um "Ah, que pena..." e Rosa foi imediata: "Quer o celular?"
Ele aceitou e ligou para mamãe. No celular. Mamãe em Recife.
- Olá! Você não me conhece, sabe, mas eu li o seu artigo sobre a Simone de Beauvoir, gostei muito...
- Oh...
- ...e escrevi um poema inspirado no seu artigo!
- Oh...!
- Será que eu posso lê-lo para você?
- Oh! Claro.
E ele leu. Poesia por celular, vai virar moda!
Conversa vai, conversa vem, o homem, que se chama, bem, Sinésio, diga-se de passagem, diz que gostaria de enviar o poema para mamãe, para que ela tivesse uma cópia.
- Certo, você pode mandar pro e-mail, que tal?
- Ah, eu não me dou muito bem com isso de computador... - e fez uma pausa - Quantos anos você acha que eu tenho?
- Ah, bem, eu não posso dizer e...
- Não, por favor, fale! Tenho vontade de saber!
- Mas eu não sei e...
Depois de insistência, mamãe revelou sua suspeita: entre 50 e 60. E Sinésio fez sua revelação.
- Eu tenho 94.
Agora Sinésio liga três vezes por semana para falar com mamãe e estamos até recebendo o jornalzinho de poesia que ele publica, Mensageiro da Poesia, que já está no seu nº 254 e existe há mais tempo do que eu mesma.

Assim... HAHAHAHAHAHAHA! Soube dessa história hoje, no almoço, e dei umas boas gargalhadas! Inspirada por ela, fui para a aula calma e até que gostei...! Para fechar o dia com chave de ouro, quando mamãe foi me buscar no colégio, 18h30, levou Rosa e Gata. A Gata estava toda encolhida achando que era veterinário, mas isso é detalhe!

5 comentários:

Irena disse...

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA! Que coisa mais divertida! Sabe eu ADORO gente velha por causa disso, eles fazem umas coisas tão imprevisíveis e divertidas!
Eu já ouvi falar na Simone de Beauvoir e acho que já li alguma coisa sobre ela, mas não sei muito...

E sobre aquela coisa da faculdade de Artes que você deixou no meu blog, AI MEU ZEUS! O que eu vou fazer agora Jana? Eu SURTEI TOTAL quando li aquilo! Vou virar médica, esse é o plano, e vai dar certo.

Vanessa disse...

Geeeeeeeeeente O_O 94 anos? AHOIUAHAOUHIAUHAOIUHAOIUAHAIUA
E eu jurando que era um ser jovem de outro mundo que - apesar da pouca idade - não gostava de mexer em computador XDDDDD
Muito chique sua mãe, é nisso que dá ser importante XDDD

Aiai, cada uma ^^- mas é uma situação fofa, cara, eu vejo gente idosa como criança o_o' vai saber, né? XD Massa!

o/

gabi disse...

Carambaaa! Queria que acontecesse alguma coisa assim comigo, pra eu poder contar pros meus netos depois! hehehehe :D
Beijão!

Alice disse...

gente,olha a tia ahazando corações!


.*

Irena disse...

Sabe que eu tive durante um bom tempo na escola? Era TÃO legal! Aposto que isso tu ia aprender rapidinho. Principalmente porque os livros são os mais lindos, e tem ilustrações lindas! AI, TÃO MÁGICO! O que tá me aterrorizando é essa coisa de portfólio e prova de desenho! E se no dia da prova eu estiver muito nervosa e não conseguir pensar em nenhum desenho bom? E não PASSAR porque eu não consegui desenhar? Isso ia ser meu fim! Se bem que isso é bem improvável que aconteça porque em todas as provas de vestibular que eu fiz até agora eu sempre paro a prova pra desenhar alguma coisa nas páginas que eu deveria estar fazendo cálculos...
Você é boa em deduzir Janelídia! Eu sou péssima em Física mesmo. Muito melhor ter prova de Português e História, MUITO MELHOR INFINITAS VEZES!
Mas Jana, alguém que é convidado pra turma do ITA com certeza passa em faculdade de Artes HAHAHAHAHAHA!