terça-feira, 10 de março de 2009

Perseguição

EduardoEu sou doida pra ter filhos e criá-los e amá-los, levá-los ao parque e contar histórias antes de dormir, e já pensei em seis possíveis nomes, três para meninas e três para meninos, meio a meio. Não conto aqui porque são tão lindos que eu sei que todo mundo vai se apaixonar por eles e tomar de mim (episódios de Friends traumatizam qualquer um!), e uma amiga minha mesmo já tomou um deles, e o fato é que eu tenho que arranjar um amor logo para engravidar logo e gastar esse nome de uma vez, antes que ela use e nós tenhamos que cortar laços.
Um deles eu vou contar porque é fato necessário à história: Eduardo. Eduardo. Edu. Du. Ahh.
Nunca tinha conhecido nenhum, assim, ao vivo, mano a mano, cara a cara... até esse ano.
Loucamente, existem três Eduardos na minha turma da faculdade.
E um Carlos Eduardo.
Nem tinha me ligado nisso quando saiu a lista dos aprovados, mas, na primeira aula de um professor que por algum motivo que é claramente conspirador se chama Eduardo, ele fez a chamada e ficou impressionado com os charás.
Duas amigas minhas têm pais que se chamam Eduardo.
E, passando da realidade à ficção, eu mesma já escrevi duas histórias com personagens de nome Eduardo.
Hoje eu tirei da mochila um caderno gracinha de Mansão Foster para Amigos Imaginários, mostrei a um dos Eduardos, e ele soltou:
– Você sabe o nome desse personagem?
– Já soube, nem lembro mais!
– Eduardo.
Doideira.
Assim. Dá pra acreditar? Sabe, é muito Eduardo pruma pessoa só, e eu nem sou maior de idade.

7 comentários:

adivinhaquemé disse...

"Minha BFF querida e idolatrada e mais uma amiga aí qualquer têm pais que se chamam Eduardo", você quis dizer? \o.o/

hih, BEM, acho um nome um tanto bestinha, mas vai fundo ;) Construa um forte elo familiar, digna da exclamação "Mas que família mais bondoda!", como disse o grande poeta. (morre se não entender.)

adivinhaquemé disse...

bondoda o.o... dislexia forte.

Cih disse...

O meu sonho era ter um amigo que se chamase Dú,ou Dudu,mas as pessoas que conheci com esse nome foram todos tratantes,um vizinho chato,outro mal educado,e um ex namorado de uma amiga,meio galinha!
Ah lembrei de um amigo que não vejo á séculos,ele sim era um Dú,que realmente valia a pena chamar de "meu amigo Dú"! rsrs
beijos

raquel disse...

eu nunca tive neura com nome de criança. gostava de sophie (com ph e tudo), mas aí o povo ia começar a chamar de sufia, sufi e não daria certo.

ah, eu quero um caderno da mansão foster. e um dos padrinhos mágicos. quando eu peço pra mamãe comprar, ela compra ou das witch ou alguma coisa com flores e corações.

Irena disse...

Eu tenho um vizinho (que por sinal a minha mãe acha que é mãe dele também) que se chama Eduardo. E também assistia aquele desenho, "Du, Dudu e Edu". E na minha escola tinha outros quilos de Eduardo.
Acabei cansando do nome.
Eu gosto de nomes dramáticos. Esses que a gente sempre lê em romances shakespearianos e tal.
Tinha um caderno da "Mansão Foster para Amigos Imaginários" ano passado! Ai, meu Deus, eu AMO esse desenho.

Iara disse...

Eu não conheço nenhum Eduardo... Mas realmente é um nome bom. Combina tanto com uma criança (Du, Dudu) quanto com um velhinho :D
Beijo :*

Paula disse...

Oi Jana!
Eu tb já escolhi os nomes dos meus filhos, mas não conto pra ninguém com medo de ser "roubada" rs.
Bjos,
Paulinha